Tudo na categoria

Entretenimento

6 filmes que estão concorrendo ao Oscar 2017 que você precisa ver

la-la-land

Olá, olá! Por aí vai tudo bem? Aqui quem vos escreve mais uma vez é o Gui Guimarães (dono da página de cinema Claquette). Antes de mais nada, peço desculpa pelo meu sumiço. Você sabe, né? Fim e começo de ano nos tiram totalmente da rotina e a gente acaba ficando meio sem ritmo para escrever e fazer as coisas bonitinhas que nos deixam felizes, não é verdade? Porém, aqui estou eu falando daquilo que mais amo na vida: Cinema. Hoje trago dicas especiais de filmes que estão concorrendo ao Oscar deste ano e que precisam ser vistos não só para você ficar por dentro do circuito de cinema hollywoodiano, mas também para acrescentar positivamente na sua formação como pessoa e cidadão do mundo. Então, bora lá? :D

1) “Estrelas Além do Tempo” (Theodore Melfi/2016/) – Título original: “Hidden Figures”

Estrelas Além do Tempo

Neste longa-metragem, acompanhamos a história de 3 amigas, Katherine Johnson, Dorothy Vaughn e Mary Jackson, que trabalhavam na NASA nos anos 60, desempenhando importantes funções em seus respectivos cargos. Mesmo elas estando por trás de grandes feitos na  história espacial dos Estados Unidos (e da Terra), sendo responsáveis pelo bem-sucedido lançamento do astronauta John Glenn para a órbita do planeta e seu cálculo de retorno em segurança, Johnson, Vaughn e Jackson sabem que o maior desafio de todos é diário e constante: enfrentar o preconceito segregacionista das pessoas unicamente por serem negras. Um filme estrelado por Taraji P. Henson, Octavia Spencer e Janelle Monáe que nos ensina verdadeiras lições de vida e nos transmite uma crítica bem interessante sobre a sociedade em que vivemos, pois mesmo sendo feito sobre os anos 60, muita coisa ainda se aplica aos dias de hoje, infelizmente. Se você busca por uma película recheada de diálogos e falas que destroem discursos de ódio, essa é a opção certa.

2) “Manchester à Beira-Mar” (Kenneth Lonergan/2016) – Título original: “Manchester by the Sea”

Manchester à Beira-Mar

Às vezes, um drama não precisa nos fazer chorar incontrolavelmente para nos fazer compreender as dores e o sofrimento de um personagem e nem por isso ele é menos eficaz. Ao assistir esse filme, tive a nítida impressão de estar acompanhando um relato sincero, honesto e quase documental da vida de Lee Chandler, vivido por Casey Affleck. Como se eu estivesse lá, presente em casa cena, apenas observando. Diálogos incrivelmente duros marcam a película e nos ensinam que muita coisa pode ser dita pelo não dito. Um drama para refletir.

3) “La La Land – Cantando Estações” (Damien Chazelle/2016) – Título original: “La La Land”

la-la-land

A bela história do casal Mia e Sebastian nos envolve do começo ao fim, literalmente. É uma tarefa quase impossível não se entregar de coração e alma aos mais variados embalos rítmicos do filme, que vai desde canções empolgantes à mais tênues baladinhas apaixonadas. “LLL” me cativou de verdade e quem gosta de musicais também vai se sentir hipnoticamente atraído pelo filme. Mas nem só de música boa, ótimos figurinos e uma excelente direção de arte foi feita esta obra. Existe uma mensagem muito bacana implícita na narrativa que nos faz pensar sobre as nossas prioridades. É um verdadeiro soco no estômago para quem gosta de clichês.

4) “A Chegada” (Denis Villeneuve/2016) – Título original: “Arrival”

A Chegada

Esse filme é pura poesia em forma de imagens e sons. Tão cheio de sutilezas e nuances que chega a ser difícil decifrá-lo por completo. O espectador faz um mergulho profundo nos anseios e sentimentos, nas angústias e paixões da Dra. Louise Banks, interpretada pela brilhante (e ignorada pelo Oscar) Amy Adams, uma linguista que é chamada pelo governo dos Estados Unidos para decodificar um idioma alienígena, na esperança de que assim humanos e aliens possam estabelecer um diálogo. Esqueça seus preconceitos contra filmes sobre “ETs” porque este longa-metragem desconstrói tudo o que você acha que sabe a respeito.

5) “Moonlight – Sob a Luz do Luar” (Barry Jenkins/2016) – Título original: “Moonlight”

Moonlight - Sob a Luz do Luar

É alarmante como, no mundo todo, ainda existem pessoas que não se atentem aos danos que o bullying pode causar na vida de alguém. Em “Moonlight”, acompanhamos a trajetória de Chiron, um negro gay da periferia de Miami. Se sofrer algum tipo de preconceito já é doloroso, imagina ser duplamente alvo de pessoas preconceituosas? A única coisa que tenho a dizer sobre este filme é: Obrigado. Devo agradecer pela sua identidade, os seus desejos, as suas angústias. Little, Chiron, Black: Todos esses nomes são acepções do mesmo sujeito. Uma vida fragmentada, estilhaçada, destruída e reconstruída a partir de um trauma. Ao mesmo tempo, penso “Moonlight” como uma espécie de “Boyhood” às avessas. Diferente do projeto de Richard Linklater, a ideia aqui é perseguir a existência de uma pessoa ao qual o “sonho americano” não alcança. É difícil medir, nesse sentido, a quantidade de sofrimento e de indecisão que esse homem, negro e gay, duplamente discriminado, passa durante o filme. Estou também totalmente fascinado pela atuação sensível de Mahershala Ali; pela trilha sonora delicada, mas, ao tempo, presente; e pela fotografia. “Moonlight” é cinema dos grandes, daqueles que nos fazem pensar.

6) “Capitão Fantástico” (Matt Ross/2016) – Título original: “Capitain Fantastic”

Capitão Fantástico

Poderia fazer uma breve análise sobre o filme, mas ficarei com uma bela frase dele: “Poder ao povo! Abaixo ao sistema!”. Só dela ter sido proferida num filme indicado ao Oscar (ápice do egocentrismo capitalista) é motivo suficiente para fazer dele um clássico recém-nascido. Belíssimo em amplos sentidos! O espectador pode ver de perto a vida alternativa de uma família norte-americana que optou viver numa floresta. Longe da civilização, eles aprendem juntos a viver no planeta sem agredir o meio-ambiente e se tornam pensadores natos já que a única diversão é ler e descobrir coisas novas a respeito do mundo.

Já assistiu algum desses filmes? Conta nos comentários! Espero que gostem das recomendações. Até a próxima! :D

O que há de pior no mundo virtual?

virus-pc

Hoje em dia vemos tanto ódio gratuito na internet que chega a ser difícil acreditar que tantas pessoas fazem esse tipo de coisa. Sempre paro pra pensar: “Porque a pessoa fez isso?”, “O que ela ganha fazendo comentários desse nível?” E a verdade é que até hoje não cheguei ‘em alguma conclusão.

Basta abrir qualquer rede social que você vê de tudo: violência, pedofilia, assédio, discriminação, racismo, xenofobia, bulling virtual, entre outros pontos negativos que a internet nos traz. Por esse motivo, separei alguns pontos negativos que eu acredito que sejam alguns dos piores entre os tantos que existem neste universo.

1. Ditadura do corpo perfeito: Não tente seguir os padrões impostos pela sociedade, mídia e tantos outros meio. Você é maravilhosa do jeitinho que você é. Não acredite nessas dietas loucas e remédios para emagrecer que você vê por aí. Se você não está  feliz com o seu corpo, pratique exercícios físicos e, principalmente: procure uma nutricionista!

ditadura-corpo-perfeito-dove
2. Anonimato + Bulling: Não é porque você está atrás de uma tela de computador ou celular que você pode atacar os outros. As pessoas tem sentimentos, então pense antes de escrever qualquer coisa.3. Spam: Esqueça o troco Likes, retribuo comentários, sigo de volta, conheça meu blog, se inscreve no meu canal e qualquer coisa do tipo, as pessoas que fazem isso não fazem ideia do quanto é irritante! Até mesmo aqueles e_mails que enchem o saco né? Vivo limpando minha caixa de e_mail.

spam-email

4. Fãs enlouquecidos/haters: A proximidade que as redes sociais trouxeram entre os ídolos e seus fãs é indiscutível, mas infelizmente existem muitas pessoas que não sabem se controlar e ficam comentando coisas absurdas. Se você não sabe do que eu estou falando: abre o Instagram agora de qualquer famoso e leia os comentários. São pessoas reclamando da roupa que a pessoa usa, da maquiagem, do sapato. Pessoas reclamando que a pessoa não é simpática, não tirou foto em algum evento, não respondeu um comentário. Abaixo temos um exemplo de um menino que atacou a Bruna Vieira no Youtube:

bruna-vieira-haters-youtube

5. Não aceitar a opinião do outro:
Uma coisa é você ter opinião sobre algo e compartilhar em suas redes sociais. Outra coisa é quando você não aceitar uma opinião contrária a sua e ofender alguém. As pessoas não são iguais e elas NÃO tem que pensar igual você, pare de discutir e xingar só para impor o seu lado.

6. Vírus:
 
Quem nunca teve algum arquivo perdido por conta de vírus? :( Por isso sempre salve na nuvem, pen drive ou envie por e_mail e evite perder arquivos importantes. Compre um HD externo e faça backup sempre!
virus-pc

7. Imagens chocantes + informações falsas:
 “Compartilhe essa imagem que Joãozinho irá ganhar 1 real”, PARA! É sério que tem gente que ainda acredita nessas coisas? Pesquisem, leiam, procurem saber se as informações são mesmo reais. Além disso, não fique compartilhando por aí vídeos e fotos de acidentes, animais de estimação sofrendo, violência. Inventar que algum famoso morreu também virou “modinha” né? Isso é tão sem noção.E você, o que acha de pior no mundo virtual?
Esses são 7 itens que eu acho que são as piores coisas na internet e qual a sua opinião sobre isso?

Dicas para aumentar seu engajamento no Instagram

feed1

O Instagram é uma rede social que vem crescendo cada dia mais. Hoje em dia as pessoas tem levado mais a sério e estão investido em foto com qualidade, sorteios e outros métodos para alavancar sua conta. Até porque todo mundo quer ter mais comentários, seguidores e likes né?!

Sabemos que interação com outros usuários e utilizar hashtags ajudam bastante. Mas que tal aprender outras dicas simples para aumentar seus likes e seguidores? :) Abaixo você pode ver minhas duas contas no Instagram: @tekatecla e @sthefanigabriela <3 E vamos lá aprender mais dicas:

instagram-sthefanigabriela

1- Não compre seguidores! Apesar desse post abordar assuntos de como aumentar seus seguidores. NÃO COMPRE! Além de você estar sujeito a riscos: como hackear sua conta, você ganha seguidores fantasmas que nunca vão interagir em suas fotos e vídeos.

2- Conecte sua conta com outras redes sociais (Facebook, Twitter..) e compartilhe suas imagens.

3- Não esqueça de usar hashtags. Em sites como o Webstagram é possível descobrir as tags mais populares.‪ Exemplo: #‎instagood‬, ‪#‎instagram‬, ‪#‎photooftheday‬, ‪#‎love‬, ‪#‎instamood‬,
‪#‎cute‬, ‪#‎instagramers‬, ‪#‎colors‬, ‪#‎nice‬, ‪#‎cool‬, ‪#‎beautiful‬, ‪#‎sky‬, ‪#‎me‬, ‪#‎clouds‬, ‪#‎dog‬, ‪#‎cat‬, ‪#‎smile‬, ‪#‎tbt‬, ‪#‎picoftheday‬, ‪#‎girl‬,‪ #‎tweegram‬, ‪#‎summer‬, ‪#‎follow‬, ‪#‎iphoneonly‬ e ‪#‎bestoftheday‬ são algumas das mais famosas atualmente. Mas não esqueça: use as hashtags e interaja nelas também!

4- Capriche nas fotos e seja criativo. Se preocupe com a qualidade, o ângulo e a harmonia nas postagens. Ás vezes uma edição pode salvar sua foto!

5- Tenha uma Bio interessante. Coloque o link do seu site, escreve resumidamente algumas informações sobre você. Insira emoticons relacionamos a sua personalidade.

6- Publique conteúdos que tenham haver com você. Não tente ser quem você não é nas redes sociais.

7- Interaja sempre que possível. Comente nas fotos de outros perfil, interaja nas fotos das pessoas que você segue e assim outros usuários vão dar uma olhadinha no seu perfil também.

8- NUNCA FAÇA SPAMEsqueça o “Sigo de volta” e “Troco likes”.

foto-instagram

9- Use sua conta com frequência. Se você gosta de publicar mais de 2 fotos por dia, publique com uma distância de tempo. Já você que não costuma postar muitas fotos, continue interagindo com outros usuários e poste pelo menos 3 fotos na semana.

10- Prefira fotos ‪#‎NoFilter‬: As fotos sem filtro conseguem mais engajamento.

11- Use storytelling: Use suas imagens para criar uma história que irá entreter seus seguidores.

12- Faça perguntas na legenda das fotos, assim os usuários interagem comentando.

13- Poste fotos nos horários de pico. Durante a semana, o Instagram tem bastante interação entre 20h e 22h.

14- Escreva legendas que façam sentido com a foto/vídeo.

15- Lembre-se de usar o mapa de fotos: Marcar locais das suas fotos facilita que pessoas em sua região vejam a suas fotos.

16-  Faça sorteios! É uma das formas de conseguir seguidores mais rápido.

sorteio

17- Organize seu feed! Deixe ele harmônico, com fotos que façam sentido com a sua personalidade. Dica: organize por cores, fileiras, por temas ou até mesmo pense em algo com harmonia, como intercalar: selfie, paisagem, comida, look.

18- Se você tem um perfil comercial no Instagram, analise os dados e o perfil dos seus seguidores. Olhando o gênero, idade, local onde moram e o alcance das suas fotos. É possível também olhar os dias e horários que os seus seguidores mais utilizam a rede social.

19- Responda os comentários e as directs. Isso mostra que você se importa com seu público.

20- Não deixe sua conta privada. Fazendo isso você impede que outras pessoas conheçam seu perfil.

Algumas informações foram retiradas do:
Ebook Marketing no Instagram: O guia da rock content.

Cocielo, Thaynara OG e Whindersson Nunes estão confirmados na 15ª edição do Prêmio Jovem Brasileiro

Famosos-PJB

PJB terá ex-diretor do VMB na direção geral do evento, shows de Fiuk, Br’oz, Banda Fly e 2 atrações misteriosas.

Faltam poucos dias para mais uma edição do Prêmio Jovem Brasileiro, e as novidades começam a ser anunciadas.

Após o encerramento da 2ª etapa das votações, os homenageados que foram indicados através do “Voto da Galera” no site oficial ou pelo “Voto do Júri Especial”, formado por jornalistas, colunistas e formadores de opinião começam a receber a noticia tão esperada: você ganhou o PJB!     

Foram mais de 7 milhões de votos em 4 meses de votações. Dia 25 de setembro, durante a cerimônia de premiação realizada no Palácio das convenções do Anhembi, será divulgado por qual dos votos e a subcategoria os premiados foram escolhidos para levar o troféu do #PJB15anos.

logo_premio_jovem_brasileiro

Outra novidade desta edição do PJB é a contratação do diretor Julio Piconi, que dirigiu 10 edições da extinta premiação da MTV: o VMB – Video Music Awards.

“Este prêmio é muito importante porque incentiva a juventude do nosso país. Estimula muitos jovens. É muita responsabilidade gigante orquestrar os 15 anos do PJB, mas estou certo que será uma grande festa” Diz Piconi, que também ja trabalhou na Globo e no canal Vevo.

Banda-Fly-PJB

O diretor vai comandar os shows de Fiuk, Banda Fly, e também da recente atração anunciada: o grupo Br’oz, sucesso na década de 2000 e que receberá o PJB de 2004, ano que foram premiados e não puderam comparecer! Nos próximos dias, mais 2 atrações serão reveladas pela produção do evento. 

Broz-PJB

Esse evento tem tudo pra ser um sucesso, não é mesmo?! Quem ai não lembra da Banda Bro’z? <3 Que saudade! Estou ansiosa para curtir e dançar muito. Por sorte, já conheci alguns artistas que estarão no Prêmio Jovem Brasileiro esse ano e tenho certeza que será incrível! Ano passado fui ao evento e gravei vlog por lá, confira aqui.

Famosos-PJB

Como mudar o Instagram para perfil comercial

instagram

O Instagram está cada vez mais surpreendendo com as atualizações! Depois do ”Stories”, outra reviravolta está começando a acontecer no aplicativo. Há algum tempo, todos os usuários conseguem visualizar a quantidade de pessoas que visualizaram seus vídeos publicados na rede social e agora com uma nova atualização, é possível visualizar qual o seu público, quantidade de pessoas que visualizaram suas fotos, gênero e idade dos seus seguidores. PARECE MENTIRA, MAS NÃO É!

As contas no Brasil estão sendo atualizadas com o tempo, não existe uma regra ainda de quantidade de seguidores, ou algum outro ponto para as contas poderem ter acesso. Muitas pessoas já estão conseguindo trocar sua conta pessoal para comercial e podendo analisar os dados.

Como não está liberado para todas as contas, com o famoso ”jeitinho brasileiro’‘ algumas pessoas descobriram como mudar isso! Já vou dizer pra vocês que: não é totalmente confiável, MAS, quem quiser arriscar. Eu estava louca pra descobrir a quantidade de usuários que visualizavam minhas fotos e qual era o meu público e deu certo! Lembrando que: você precisa ter uma página no Facebook. Se você quer descobrir mais sobre os seus seguidores enquanto a atualização não chega, vou ensinar:

Baixe o aplicativo VPN
Conecte seu celular em outro país (eu conectei nos Estados Unidos)
Após conectar, entre no Instagram
Vá em configurações > Mudar para perfil comercial
Escolha a Fan Page que deseja vincular seu insta
Coloque um e_mail
(esse e_mail vai aparecer no seu insta no botão “Entrar em Contato”)
Vai aparecer as estatísticas (uns traços) do lado do botão de configuração
Clique e veja as estatísticas da sua conta

instagram-dica-seguidores

Lembrando que você não vai conseguir visualizar a quantidade de pessoas que viram suas fotos antigas no Instagram. Essa ferramenta só começa a contar depois que você publica uma foto com a sua conta ativa no perfil comercial.

instagram-dica-seguidores instagram-dica-seguidores

#FICADICA: Baixe o aplicativo da VPN, muda seu perfil para conta comercial, poste a primeira foto e depois desligue a VPN! Não precisa ficar conectado em outro país para contabilizar os dados das suas publicações. Ao mudar seu perfil, é possível voltar para a conta pessoal depois. Mas, se você quiser voltar para a conta comercial irá iniciar uma nova contagem de dados.

Há boatos na internet que, ao mudar sua conta para perfil comercial, diminui o engajamento da suas fotos/vídeos. Isso significa que suas publicações irão aparecer menos no feed das pessoas, o que significa, número menor de curtidas e comentários). Já estou usando a mais de uma semana e confesso que não percebi nenhuma diferença.

Me conta nos comentários se a sua conta já atualizou ou se você já baixou o app VPN e está se divertindo com os dados do aplicativo <3