Existe amor em São Paulo

existe-amor-em-são-paulo-2

Como podem dizer que não há amor em SP se em cada esquina vejo pessoas expressando o amor que sentem com os mais simples gestos? Mesmo uma cidade que vive constantemente acelerada, num ritmo frenético, pode encontrar o amor em cada canto.

SÃO PAULO - BRASIL | via Tumblr

O taxista simpático que compartilha a sua vida e seus conhecimentos com você em trinta minutos, que é o tempo que durou a corrida de táxi até sua casa numa segunda-feira à tarde. As pessoas nas ruas sorrindo umas para as outras, e pasmem, acho que até vi um rapaz entregando uma flor para uma desconhecida ao lado da banca de jornal que tem do lado de casa. As milhares de culturas e o jeito que elas se expressam no dia a dia. Isso é amor.

Dá para encontrar amor nas coisas mais simples de São Paulo: passar uma tarde na Av. Paulista só observando as pessoas e tomando um frappuccino de baunilha e, é claro, em ótima companhia. Fazer um piquenique no Parque Ibirapuera e assistir o sol se por. Confesso que de toda a capital, esses são meus lugares preferidos.

Ibirapuera, São Paulo

Decidi que daqui para frente será amor e energias boas – não no estilo good vibes, praia e Armandinho –, é o que estou precisando mais que nunca. Cansei de passar horas remoendo ou pensando numa discussão que começou por algo pequeno, e mais cansada ainda de ver pessoas se afastando por motivos menores ainda. Sabem, eu já fiz a besteira de afastar quem eu não deveria, e me arrepender de não ter essa pessoa como minha amiga agora. Não fiquem vivendo o lema do “não corra atrás”. Corram até acharem que é certo, porque, afinal, o resto é resto, e quem sabe a importância que a pessoa tem na sua vida é você, o “corredor”. Tudo é questão de ponto de vista.

Não me refiro ao amor que casais demonstram com gestos carinhosos ou uma declaração melosa na rede social. Esse amor é, muitas vezes, passageiro. O Amor ao qual eu me refiro é o discreto, sincero, que só duas pessoas vivem e milhares ao redor sabem que elas vivem. Amor de amizade, de uma mão amiga, de um colo. E acredito sim que podemos encontrar esses pequenos gestos de carinho e cuidado nas ruas de São Paulo. Coloquem seus óculos do amor e abram seus olhos, suas mentes e seu coração para perceberem tudo o que eu disse nesse texto.

– Marques

Pode ser que você também goste:

Nenhum comentário

Deixe o seu comentário